Simone de Beauvoir:

“Sei que a língua corrente está cheia de armadilhas. Pretende ser universal, mas leva, de fato, as marcas dos machos que a elaboraram. Reflete seus valores, suas pretensões, seus preconceitos”

Digite seu endereço de e-mail para seguir este blog e receber notificações de novos posts na sua caixa de e-mail.

Junte-se a 10 outros seguidores

Próximos Eventos

Sem eventos futuros

  • Paixão de Cristo 14 abril, 2017
  • Domingo de Páscoa 16 abril, 2017

RSS Notícias UOL

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

WEB CHAT